agende agora

Queda de Cabelo


Diariamente sou perguntada por algum amigo ou paciente: O que fazer para reduzir a queda de cabelo? A resposta costuma ser um genérico “depende”. Para essa pergunta ser realmente respondida preciso investigar a causa da queda com uma anamnese (história clínica) bem colhida e com exames variados. Outra informação importante é saber se a queda não está na faixa considerada normal de aproximadamente 100 fios por dia.

O nome científico para “queda de cabelo” é eflúvio e pode ser classificado em anágeno e telógeno.  O eflúvio anágeno pode ser definido como uma queda extremamente intensa (até milhares de fios por dia) que ocorre alguns dias após o evento causador, sendo a quimioterapia um dos maiores exemplos. Já o eflúvio telógeno é uma causa frequente de queda de cabelo entre mulheres e homens, ocorrendo em média de 3 a 6 meses após o evento desencadeante.

No eflúvio talógeno a queda capilar pode ser intensa, chegando a mais de 600 fios por dia. Dentre as causas temos: estresse emocional; cirurgias de grande porte, como a cirurgia bariátrica; pós parto; dietas restritivas; carência nutricional; alterações hormonais, como hipotireoidismo; infecções graves até o uso de algumas medicações.  Devido à variedade de agentes causais a investigação minuciosa é fundamental.

O tratamento do eflúvio telógeno é voltado para causa da queda de cabelo. Tratamentos com vitaminas, intradermoterapia e o auxílio da terapia capilar também são úteis na reversão da queda.

H3Med

Subir Página