agende agora

A Importância do Teste de PHI no Diagnóstico do Câncer de Próstata


O PHI – Índice de Saúde Prostática é um forte marcador do câncer de próstata e mostra-se superior a análise do PSA total e livre, sendo capaz de reduzir biópsias desnecessárias em 30 % (Loeb et al 201%). Quando o PHI é adicionado aos testes de PSA e PSA livre o índice de acerto passa de 30 para 90%. O proPSA (também conhecido como p2PSA) refere-se a uma série de precursores inativos do PSA e sua dosagem consiste em um ensaio de quimiluminescência.

É um exame de sangue, indicado para homens com idade acima dos 50 anos, sem alteração no exame de toque retal da próstata e com valores de PSA elevados (Antígeno Prostático Específico).

Existem cânceres de próstata menos agressivos e mais lentos na sua evolução, enquanto outros são muito agressivos e rápidos demandando intervenções urgentes do médico assistente. O PHI ajuda o clínico nesta assertividade.

O teste de PHI, oferece maior segurança pois evita que o paciente venha a utilizar uma opção mais invasiva e agressiva para a possível identificação de alguma doença.

O PHI ajuda também a flagrar as versões mais perigosas da doença. Geralmente, quanto maior o resultado do PSA, mais elevado é o risco de câncer, daí a indicação para uma biópsia da próstata.

H3Med

Subir Página